Seguidores

terça-feira, 7 de agosto de 2012


Lei Maria da Penha completa seis anos

12

 

Há seis anos, a lei criada com o intuito de encorajar as mulheres a denunciar a violência no ambiente doméstico era sancionada pelo presidente Lula

A Lei Maria da Penha completa seis anos nesta terça-feira (07) com uma agenda de eventos que irá discutir os resultados conquistados até hoje e os próximos caminhos da lei. Criada em 2006, a lei federal 11.340 teve o intuito de encorajar as mulheres a denunciar a violência no ambiente doméstico, onde, em muitas vezes, a polícia e Justiça não conseguem entrar.
Leia também:
Veja mais sobre a violência contra a mulher
Criada para mulheres, Lei Maria da Penha também ajuda homens
Lei foi feita para defender mulher, não homem, diz Maria da Penha
Ex-ministra: ‘Em briga de marido e mulher temos de meter a colher’



Agência Brasil
A farmacêutica e bioquímica cearense, Maria da Penha
Há seis anos, a farmacêutica e bioquímica cearense Maria da Penha Maia estava sentada ao lado de Luiz Inácio Lula da Silva para se tornar símbolo da luta contra a violência contra as mulheres. O então presidente sancionava a lei que levava o seu nome e tornava mais rigorosas as punições contra quem agride mulheres. “Essa mulher renasceu das cinzas para se transformar em um símbolo da luta contra a violência doméstica no nosso País”, disse Lula.
O projeto foi elaborado por um grupo interministerial a partir de um anteprojeto de organizações não-governamentais. O governo federal o enviou ao Congresso Nacional no dia 25 de novembro de 2004. Lá, ele se transformou em projeto de lei, foi aprovado e sancionado em 7 de agosto de 2006.
Em comemoração aos seis anos de criação da lei, a Secretaria de Políticas para as Mulheres da Presidência da República (SPM-PR) vai realizar três ações voltadas ao enfrentamento da impunidade dos casos de violência contra as mulheres.
O primeiro será o encontro nacional  “O Papel das Delegacias no Enfrentamento à Violência contra as Mulheres”, que vai reunir cerca de 300 delegadas e delegados, responsáveis pelo atendimento às mulheres. O encontro ocorre nestas terça e quarta-feira e tem como objetivo fortalecer as Delegacias Especializadas de Atendimento à Mulher (DEAMs) e pactuar as Normas de Atendimento às Mulheres, de acordo com a Lei Maria da Penha.
Mais:  Seis anos da Lei Maria da Penha tem exposição de fotos no Senado Federal
Durente o evento também será lançada a campanha “Compromisso e Atitude pela Lei Maria da Penha – A lei é mais forte”, voltada à mobilização da sociedade brasileira, operadoras e operadores de direito e justiça para celeridade dos julgamentos dos crimes de violência contra as mulheres.
Nesta terça-feira ainda será divulgado o balanço semestral da Central de Atendimento à Mulher – Ligue 180, com ranking por Estados. Serão divulgados dados dos atendimentos realizados pelo serviço da SPM, de 2006 a 2012 – nos seis anos de vigência da lei
As três ações ocorrerão na terça-feira (7/8), a partir das 9h, em Brasília, quando da abertura do encontro nacional sobre Delegacias de Atendimento às Mulheres. O evento terá a presença da ministra Eleonora Menicucci, da SPM, do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, de Maria da Penha Maia Fernandes e de autoridades do sistema de justiça.

Fonte: http://ultimosegundo.ig.com.br/

segunda-feira, 6 de agosto de 2012


Projeto para o dia do estudante

1


Desde os primeiros anos de nossas vidas, ainda bem pequeninos, começa nossa vida de estudante. São os primeiros passos ao encontro do saber, de um novo aprendizado, é quando novos horizontes nos são apresentados. No início vem a convivência com novos coleguinhas, a tia da escola, as primeiras letras. Para uns, é um longo caminho a ser trilhado. Para outros, nem tanto. O certo, é que no dia 11 de agosto, esta data é comemorada. Então, os pequeninos, sem
entender muito o motivo da não ida à escola, perguntam: - Por quê não vamos à escola hoje? - Meu filho, hoje é dia do estudante e, não haverá aula, portando, você terá o dia todo livre para brincar. -Êpa! Que maravilha, painho!

OBJETIVOS:Valorizar o papel do ESTUDANTE como elemento
fundamental na constituição da SOCIEDADE;
Fortalecer os vínculos entre ESTUDANTES e ESCOLA;
PARTICIPANTES:Alunos e equipe pedagógica.
VIVÊNCIA DO TEMA:Atividades pedagógicas desenvolvidas em sala
(pesquisas, leitura e interpretação de textos,
debates, discussões, exibição de filmes, entrevistas etc.)
ATIVIDADES SUGERIDAS:Pesquisa sobre a origem da comemoração do
DIA DO ESTUDANTE;Pesquisa sobre como o DIA DO ESTUDANTE é vivenciado
atualmente na nossa sociedade,
Leitura e discussão de textos
que relacionam o ESTUDANTE ao consumismo do comércio e
da propaganda na nossa sociedade;Estudo de textos, reflexões e produções escritas sobre os
valores humanos e atitudes relacionados ao tema;Confecção de cartões contendo mensagens positivas de
incentivo para os ESTUDANTES;Confecção cartazes com fotos de ESTUDANTES de
diversos grupos sociais e níveis econômicos;Promover roda de vivência e, em seguida, produzir
textos individuais e/ou coletivos sobre o que é ser ESTUDANTE.
Produzir quadrinhos e poesias sobre o tema;Montar murais com fotos e produções dos alunos sobre o tema.
Confeccionar pipas literárias .
Em grupo as educadoras podem montar espetinhos de frutas
para serem distribuido para as crianças.
Banho de piscina,atividades dirigida no parquinho.
Pic-nic dos valores.

OBS: As atividades acima sugeridas deverão ser
adaptadas para se adequarem ao nível das turmas
e dos alunos envolvidos.

DIVULGAÇÃO DO PROJETO:O projeto deverá ser amplamente divulgado .Os alunos deverão participar ativamente de todas as atividades e a escola deverá divulgar com antecedência a programação da culminância.

PREPARAÇÃO DO ESPAÇO DA CULMINÂNCIA:Confecção de cartazes indicativos com a partipação dos alunos;
Organização de murais com trabalhos dos alunos;
Distribuição na quadra dos espaços dos alunos e professores;
Organização dos espaços onde será servido o Lanche Coletivo;
OBS: Envolver os alunos no processo de limpeza e organização da escola.
CULMINÂNCIA – ATIVIDADES SOCIO-INTERATIVAS(GINCANAS)

PROGRAMAÇÃO:
1º MOMENTO:Chegada dos alunos e divisão em grupos por cores:
AZUL, VERMELHO e VERDE.Organização dos alunos nos espaços respectivos de cada cor;
Palestra interativa com os alunos sobre
O QUE É SER ESTUDANTE partir das discussões realizadas em sala.
2º MOMENTO:Sorteio dos professores presentes para organizá-los
segundo as cores dos grupos;
Orientação sobre as atividades a serem desenvolvidas na manhã
Organização das torcidas de cada grupo.
3º MOMENTO:
Realização das atividades sócio-interativas:
BASQUE-PASSE
CABO DE GUERRA
FUTE-DUPLA
REVESAMENTO DE MATERIAIS
PASSE-REPASSE
4º MOMENTO:
Lanche Coletivo
Encerramento (Apresentações de grupo de dança
com estudantes,peças teatrais ,karaokê).
ATIVIDADES SÓCIO-INTERATIVA.
BASQUE-PASSE:
PARTICIPANTES:
2 equipes, cada equipe com 10 componentes,
num total de 20 participantes.MATERIAL: 2 bolas de BasquetePREPARAÇÃO:a) Os professores escolherão entre os ALUNOS
presentes os participantes para atividade
b) Será feita por sorteio a ordem de jogada dos grupos
c) Os professores coordenadores de cada
cor organizarão duas filas indianas de frente a
cada tabela de Basquete da quadra;
d) Ao mesmo tempo, serão explicadas a todos através
do serviço de som as regras do jogo.
JOGO:
Do início da fila, a bola deverá ser passada para
trás por cima da cabeça de cada participante, um a um,
sem que eles se virem. Ao final da fila,
a bola deverá retornar para frente passando
entre as pernas de cada participante.
Em qualquer uma das situações, se a bola cair no chão,
deverá retornar ao jogo no lugar que ela caiu.
Ao chegar ao começo da fila, a bola deverá sem
arremessada pelo jogador da frente na cesta de basquete.
Convertendo ou não, o mesmo recolherá a bola,
entregará ao jogador seguinte e vai para trás da fila.
Começa tudo de novo até todos os componentes terem
arremessado a bola.DURAÇÃO DO JOGO:
O término de uma rodada;FINAL DO JOGO:
Vencerá a equipe que ao terminar a rodada,
tiver convertido o maior número de cestas.
CABO DE GUERRA:PARTICIPANTES:
2 equipes com todos os seus componentes
(desde que tenham número igual de participantes).
MATERIAL:
1 corda grossa e longa.PREPARAÇÃO:a) Será feita por sorteio a ordem de jogada dos grupos;
b) Os professores coordenadores de cada cor organizarão
os dois grupos. Cada grupo deverá segurar em cada
extremidade da corda, que deverá estar dividid
meio a meio em lados opostos da quadra;
c) Ao mesmo tempo, serão explicadas a todos através do
serviço de som as regras do jogo.JOGO:
Ao sinal do apito, cada grupo deverá puxar com
força a corda para o seu campo.DURAÇÃO DO JOGO:
O tempo que a equipe levar para
trazer o grupo oponente para o seu lado da quadra;
FINAL DO JOGO:
Vencerá a equipe que conseguir trazer todo o
grupo oponente para o seu território na quadra.

FUTE-DUPLA:
PARTICIPANTES:
2 equipes, cada equipe com
9 componentes, num total de 18 participantes.MATERIAL:
1 bola de Futsal e 8 fitasPREPARAÇÃO:a) Os professores coordenadores escolherão entre
os alunos presentes os 18 participantes da atividade
dividindo-os em 2 equipes.
b) Os componentes de cada dupla serão presos
com uma fita da cor do grupo.;
c) Ao mesmo tempo, serão explicadas a todos através
do serviço de som as regras do jogo.JOGO:
O jogo obedecerá às regras gerais do Futsal.
o objetivo maior é fazer gols sem que as duplas se
desfaçam e que sejam respeitadas as regras de lealdade em campo.
No caso de ocorrer empurrões e/ou puxões de camisa serão
marcadas faltas que, dependendo da gravidade e
posição no campo, terão como penalidade a perca
da posse da bola ou pênalti. A saída de bola do campo
implica na perca de posse da mesma.
DURAÇÃO DO JOGO:
1 tempo de 10 minutos;
FINAL DO JOGO:
vencerá a equipe que ao término da partida tiver
realizado o maior número de gols.REVESAMENTO DE MATERIAIS:
PARTICIPANTES:
as 2 equipes com todos os seus componentes.MATERIAL:
4 caixas, sendo 2 cheias
de materiais diversos e 2 vazias.PREPARAÇÃO:a) Será feita por sorteio a ordem de jogada dos grupos.
b) Os professores coordenadores de cada cor
organizarão duas filas indianas de frente a cada cesta de materiais;
c) Ao mesmo tempo, serão explicadas a todos
através do serviço de som as regras do jogo.JOGO:
Do início da fila, os materiais deverão ser passados
de mão em mão para cada participante, um a um,
sem que eles caiam. Ao final da fila, os materiais deverão ser
colocados na caixa vazia.
Quando já tiverem passado todos os objetos,
o grupo deverá reiniciar a atividade passando-os de mão
em mão para encher novamente a caixa vazia.
Em qualquer situação, se um objeto cair no chão,
deverá ser apanhado e passado pó todos os componentes
do grupo até ser colocado na caixa.
DURAÇÃO DO JOGO:
O término de uma rodada;FINAL DO JOGO:
Vencerá a equipe que terminar a
rodada em primeiro lugar.
PASSE-REPASSE:PARTICIPANTES:
10 alunos em cada grupo.
MATERIAIS:
1 prato, 1 bola e 1 apito.PREPARAÇÃO:
Serão escolhidos 10 participantes de cada grupo para o jogo,
havendo na equipe alunos representantes de cada série.JOGO:
Faz-se 2 filas indianas com os 10 participantes de cada
grupo que vão se sucedendo de forma que, em cada bateria
de 10 perguntas, cada um responda a uma delas.
1. Os dois jogadores da vez se posicionam de pé um em
frente ao outro, com as mãos para trás;
2. Ao sinal do apito, o jogador que primeiro
pegar a bolinha tem a 2
3. Suponde-se que o jogador A pegou a bolinha,
ele pode RESPONDER a pergunta ou, caso prefira,
pode PASSAR a mesma para o jogador B;
4. O jogador B pode RESPONDER a pergunta,
ou ainda REPASSAR a mesma novamente para o jogador A;
5. O jogador A será obrigado a RESPONDER a pergunta,
mas terá um tempo de 15s para consultar os companheiros de jogo;
6. Cada ACERTO vale 1 PONTO para o time do jogador
e cada ERRO vale 1 PONTO para o time adversário.
DURAÇÃO DO JOGO:
10 perguntas em cada rodada.FINAL DO JOGO:
vencerá a equipe que ao término da partida
tiver realizado o maior número de pontos. 
Documento elaborado pela professora Flávia Maria
e modificado por Francisca Maria .
Publicado no blog Miguelito educação

Dia do estudante para colorir

1










RETIDO DO GOOGLE
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Minha Família